Valores de referência para diagnose nutricional de palma forrageira ‘Gigante’ pelos métodos DRIS e IBK

RESUMO
O equilíbrio e o balanço nutricional das plantas são de extrema importância para avaliar seu potencial produtivo e para compreender a dinâmica dos nutrientes no sistema solo-planta. Assim, objetivou-se determinar valores de referência para diagnose nutricional de palma forrageira ‘Gigante’ cultivada com adubação orgânica em condições semiáridas pelos métodos Sistema Integrado de Diagnose e Recomendação (DRIS) e Índices Balanceados de Kenworthy (IBK). Utilizaram-se teores de nutrientes dos cladódios e produtividades de matéria seca de 72 parcelas. O banco de dados foi separado em população de alta e de baixa produtividade, acima e abaixo de 19,93 Mg ha-1 ciclo-1, respectivamente. As cinco faixas dos teores de nutrientes nos cladódios foram definidas de acordo com a(s) faixa(s) de desvio padrão dos índices DRIS da subpopulação de alta produtividade. Por sua vez, com valores fixos do IBK, foi possível determinar o limite inferior e o limite superior dos valores de referência dos teores de nutrientes nos cladódios. Os valores de referência gerados para todos os nutrientes pelos métodos DRIS e IBK diferem entre si e da literatura. Esses métodos são eficientes na identificação dos nutrientes limitantes para palma forrageira ‘Gigante’, havendo diferenças na ordem hierárquica da limitação, por falta ou por excesso, e dos nutrientes não limitantes à produtividade.
Termos para indexação: Opuntia; teores ótimos; dinâmica dos nutrientes.

Ver artigo

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here